...
Outros eventos em Campinas

Bar Lado B - 21 de maio - Línguas Indígenas

21 Mai 19h00 às 21h30
Bar Lado B, Av. Albino J. B. de Oliveira, 1240 - Barão Geraldo,
Campinas-SP 13084-008

Línguas em perigo de extinção na América do Sul: Ano Internacional das Línguas Indígenas

Maria Filomena Spatti Sandalo (UNICAMP) (Maria Filomena é professora de Linguística da Unicamp. Ela trabalha com línguas indígenas com atenção especial às línguas Pirahã e Kadiwéu, faladas no Brasil. No momento, ela elabora base de dados digitais e textuais de línguas em perigo de extinção.)
Nesta fala instigante sobre línguas indígenas, a pesquisadora Maria Filomena Spatti Sandalo vai apresentar uma plataforma digital usada para a documentação de línguas faladas na América do Sul em perigo de extinção. Como estudo de caso, ela apresentará a língua amazônica Pirahã e os estudos científicos avançam na empreitada de conhecê-la e preservá-la.
...

Preservação de línguas indígenas (Ano internacional das línguas indígenas)

Carolina Rodríguez-Alcalá (UNICAMP) (Carolina é pesquisadora do Laboratório de Estudos Urbanos e professora no Departamento de Linguística, da Unicamp. Ela pesquisa a história do guarani no Paraguai, incluindo o nacionalismo linguístico e as políticas atuais.)
O Paraguai é considerado um “caso único” de preservação da língua indígena guarani, falada ainda hoje por 90% da população. O Guarani foi declarado língua de Estado, ao lado do espanhol, na Constituição de 1992 desse país. Ao levarmos em conta o destino das línguas indígenas em outras regiões de colonização europeia essa situação suscita uma série de perguntas: quem fala guarani e em que espaços sociais e institucionais? A pesquisadora Carolina Rodríguez-Alcalá vai discutir o papel histórico das línguas e das políticas linguísticas no processo de constituição dos Estados modernos.
...

Diversidade de Línguas Indígenas no Brasil

Marinaldo Almeida Costa (Coletivo de Acadêmicos da Unicamp) (Acadêmico indígena do Curso de Linguística da Unicamp, da Etnia Tukano. Nascido em São Gabriel da Cachoeira-Amazonas, região mais conhecida como Cabeça. Se formou na Escola Estadual Sagrada Família, comunidade de Pari-Cachoeira)
Vou falar um pouco sobre como as línguas indígenas estão em risco constante de extinção, trazendo o Tukano como exemplo. Também vou falar sobre como meus estudos outras iniciativas da universidade podem tornar a tecnologia uma aliada para a valorização das línguas indígenas
...

Adaptação dos Estudantes Indígenas na Universidade

Sthephany Miguel Moreira (Coletivo de Acadêmicos indígenas da Unicamp) (Tem o nome indígena OHORIPAHKO. É da etnia Piratapuya, do Alto Rio Negro, natural de São Gabriel da Cachoeira, Amazonas. Filha de Sidneia Fontes, criada por mãe solteira)
Vou falar sobre a adaptação dos estudantes indígenas na Unicamp, trazendo algumas das nossas dificuldades e novas experiências. Vou contar pra vocês como estamos lidando com a diversidade que há na Universidade, como estamos mantendo nossa cultura, como estamos lidando com o preconceito e a saudade de casa.
...

Outros eventos em Bar Lado B

Av. Albino J. B. de Oliveira, 1240 - Barão Geraldo, Campinas-SP, 13084-008 Av. Albino J. B. de Oliveira, 1240 - Barão Geraldo, Campinas-SP, 13084-008
Av. Albino J. B. de Oliveira, 1240 - Barão Geraldo, Campinas-SP, 13084-008 Av. Albino J. B. de Oliveira, 1240 - Barão Geraldo, Campinas-SP, 13084-008