O Pint of Science é o maior debate de ciência do mundo que ocorre fora dos ambientes universitários. O festival visa oferecer palestras interessantes e relevantes sobre as últimas pesquisas científicas em um formato acessível ao público - principalmente em bares, pubs, cafés e outros espaços públicos.

Queremos fornecer uma plataforma que permita o público discutir pesquisas com as pessoas que as realizam e nenhum conhecimento prévio sobre o assunto é necessário. Somos uma rede de milhares de voluntários apaixonados por levar descobertas às pessoas, criada por uma comunidade de pesquisadores de pós-graduação e pós-doutorado em 2012.

O festival chegou ao Brasil em 2015, organizado pelo Instituto De Ciências Matemáticas e de Computação da USP São Carlos. Desde então o festival já aconteceu em 179 cidades de todo o Brasil até 2019.

 

 

Por conta da pandemia da Covid-19 o festival não aconteceu presencialmente nos anos de 2020 e 2021, apenas no formato online.

História do festival e presença no mundo

Em 2012 o Dr. Michael Motskin e o Dr. Praveen Paul, dois neurocientistas do Imperial College London, no Reino Unido, começaram e organizaram um evento chamado ‘Meet the Researchers’. A ideia convidar pessoas afetadas por Parkinson, Alzheimer e outras doenças neurodegenerativas para conhecer o laboratório em que eles trabalhavam e mostrar estas pessoas o tipo de pesquisa que estavam sendo realizadas.

Foi uma inspiração para visitantes e pesquisadores. Eles pensaram que se as pessoas querem ir aos laboratórios para encontrar cientistas, por que não levar os cientistas para as pessoas? E assim nasceu Pint of Science. Em maio de 2013, eles realizaram o primeiro festival Pint of Science em apenas três cidades do Reino Unido. Ele rapidamente decolou em todo o mundo e agora acontece em mais de 400 cidades.


O Pint of Science para além de um festival, é uma estratégia fundamental para o debate da ciência no nosso país

Um Brinde à ciência Nacional!

_________________________

contato: [email protected]